Escola dos Games

O maior portal de e-sports do Brasil

Os 10 melhores campeões de teamfight do jogo

  • INTRODUÇÃO

Saudações, invocador! Como bem sabemos, existem inúmeros fatores que podem determinar qual time levará a vitória numa partida de Summoner’s Rift. Entre todos os monstros, torres e eventuais lutas que podem acontecer, levar o Nexus sempre será o objetivo principal do jogo, e existem muitas maneiras diferentes de se chegar até ele.

Em algumas partidas, os times podem acabar ganhando simplesmente por efetuar um split push no momento correto, e rapidamente levar a base inimiga enquanto eles tentam forçar outra jogada pelo mapa. Esse tipo de situação não é incomum, e acaba acontecendo até mesmo em jogos profissionais.

Porém, o método mais comum de abrir espaço para o Nexus inimigo é através das boas e velhas teamfights. Abatendo um número considerável de jogadores da equipe inimiga, o caminho através das lanes em direção à base inimiga acaba sendo muito facil de se executar, especialmente no late game.

Pensando nesse assunto, hoje falaremos um pouco sobre campeões que brilham nesses momentos, citando 10 dos melhores campeões para teamfights do jogo. Esses campeões possuem recursos em seu kit que lhes tornam simplesmente incríveis nos momentos de brigas em equipe.

PROTA GAMES

Se você quer subir de elo muito rápido através de aulas com jogadores profissionais recomendamos que você assista as aulas exclusivas que estão disponíveis no site da Prota Games.

É um método estruturado e o jeito mais rápido e seguro de aprender tudo que você precisa para evoluir no League of Legends.

  • DESENVOLVIMENTO
  • Seraphine, a Cantora Sonhadora

No patch 11.02, Seraphine acabou alcançando um pico de desempenho imenso nas filas ranqueadas, e acabou se mostrando como uma escolha excepcional tanto no mid, quanto nas 2 possíveis funções da bot lane.

O kit de Seraphine possui incontáveis ferramentas que a beneficiam bastante no momento em que ela joga com sua equipe. A começar pela sua passiva, que lhe concede mais notas de dano mágico e alcance com base na quantidade de aliados próximos, seu W e seu E também acabam se beneficiando da ajuda de seus aliados. Além de seu dano em área extremamente notório, forte controle de grupo no E e sustentação no W, o Ultimate de Seraphine é capaz de mudar todo o rumo de uma teamfight, possuindo um alcance extremamente longo quando atravessa outros campeões e desabilitando os adversários com o seu charme.

Quando somamos tudo isso ao item mítico Regenerador da Pedra Lunar, percebemos que Seraphine é incrivelmente completa e opressiva durante as teamfights.

  • Orianna, a Donzela Mecânica

Apesar de estar se encontrando com um desempenho baixo nas filas ranqueadas já a um bom tempo, Orianna sempre teve e sempre terá grande destaque em composições baseadas em teamfights.

Com sua mecânica de controlar sua esfera, a campeã acaba sendo capaz de realizar um zoning extremamente eficaz na equipe adversária. Com os comandos Atacar e Dissonância, seu Q e W, ela pode causar um dano extremamente alto contra campeões adversários quase que instantaneamente e a longas distâncias.

Já com o comando Proteger, a campeã pode fixar sua esfera a algum aliado, lhe fornecendo escudo e podendo lhe fornecer velocidade de movimento adicional utilizando seu W. Já a sua ultimate, o comando Onda de Choque, é o verdadeiro motivo pelo qual a Orianna é tão temida em teamfights, já que um ultimate bem encaixado em 3 ou mais jogadores é o suficiente para que a campeã consiga ganhar uma fight praticamente sozinha, causando um dano gigantesco quando combinado com seu W. Justamente por possuir essa condição de dano e controle tão poderosa, Orianna possui um zoning extremamente notório e desconfortável para a equipe adversária durante teamfights, sempre ameaçando encaixar uma ultimate definitiva.

  • Samira, a Rosa do Deserto

Apesar dos recentes nerfs para segurar a grande força dessa campeã, ela continua sendo uma escolha extremamente agressiva e com um potencial de snowball imenso. Quando escolhida no momento correto aliada à um suporte igualmente ativo e agressivo, o impacto de Samira é monstruoso.

Seu kit possui incontáveis ferramentas para que ela brilhe nas teamfights. A ideia principal é stackar sua passiva até o limite, atingindo o rank S, e logo depois se atirando em posições avançadas da teamfight para conjurar seu ultimate. A campeã pode fazer isso com bastante tranquilidade, pois assim como o seu E é uma ferramenta de engage extremamente direta, seu W lhe protege de praticamente qualquer tipo de dano que acabe tentando lhe alvejar.

Além disso, o cooldown do E da campeã é resetado sempre que ela participa de um abate. Isso faz com que durante a luta, Samira possa se deslocar por diversas vezes, sendo extremamente flexível, escorregadia e dificil de se parar. No momento em que uma Samira atinge o rank S e ativa o Gatilho Infernal contra o outro time, pode ser que já seja tarde demais para a equipe adversária.

  • Kennen, o Coração da Tempestade

Se mostrando como uma escolha interessante para a top lane em matchups e situaçõe específicas, Kennen possui uma das teamfights mais explosivas e marcantes de todo o jogo.

Sem sombra de dúvidas, o grande motivo por trás de sua força é sua ultimate, Turbilhão Cortante. Se aproximando rapidamente com seu E, Kennen aplica uma fortíssima condição de dano mágico por segundo ao seu redor, atordoando todos os alvos e praticamente os forçando a recuar. Caso tenha tempo o suficiente, o campeão pode explodir todos os alvos marcados com o seu W, Surto Elétrico, causando ainda mais dano e uma valor extra de atordoamento.

APesar do engage totalmente explosivo que muitas vezes acontece pelo flanco, Kennen também pode se aproveitar do item Ampulheta de Zhonyas para engajar mesmo em situações muito perigosas, já que ele pode utilizar o efeito de êstase caso os adversários tentem alvejá-lo. Com uma quantidade surreal de dano mágico e atordoamento em área, Kennen consegue arrasar teamfights por conta própria quando encaixa a ultimate certeira.

  • Azir, o Imperador das Areias

A vários patchs seguidos, Azir vem desempenhando de forma bem abaixo da média nas filas ranqueadas, e no competitivo ele está igualmente sumido. Apesar de sua má fase bem nítida, é impossível de negar o impacto surreal que um Azir bem itemizado trás a sua equipe durante a luta.

Abusando de seus soldados, o campeão consegue danificar seus adversários a distâncias extremamente longas, punindo inimigos que se posicionem muito a frente. Para funcionar em conjunto com essa condição de dano extremamente potente por si só, o campeão ainda possui alta mobilidade com seu combo de WE ou WEQ, e também tem a possibilidade de empurrar todos os adversários que lhe representem alguma ameaça com sua ultimate, protegendo toda a sua backline.

Além diso, existem ainda os casos em que o Azir pode realizar uma play ainda mais arriscada: se deslocar para as linhas de trás do inimigo e arremessar todos para perto de sua equipe com sua Ultimate, uma espécie de Insec. Apesar de ser útil apenas em situações mais específicas, é apenas mais uma das formas que o campeão tem de impactar definitivamente e drasticamente em suas teamfights, com seu DPS surreal mesmo tendo um alto alcance.

PLAYERLINK

Caso esteja gostando do conteúdo desse texto, você certamente deveria acessar
o site da Playerlink e conferir tudo que te aguarda por lá…

Na nossa plataforma, você consegue participar de torneios gratuitos com
premiação em RP e interagir com milhares de membros que estão procurando um DUO
ou buscando evoluir no league of legends.

Então não perde tempo e vem subir de elo com a Playerlink

  • Brand, a Vingança Flamejante

Sendo atualmente mais popular na função de suporte, Brand pode não estar em seus melhores dias, mas o estrago que o campeão pode causar durante as lutas em equipe é algo simplesmente icônico.

Com sua passiva, Brand consegue fazer com que campeões adversários se tornem instáveis, prestes a explodir causando dano mágico a todos os alvos atingidos dentro do círculo. Combinando isso com todas as suas outras habilidades, especialmente com seu W, seu E e seu Ultimate, o campeão consegue aplicar toneladas de dano mágico em uma teamfight, retroalimentando sua passiva quase que incessantemente com o uso de algumas simples habilidades. Ricocheteando em seus alvos, sua ultimate causa dano a todos e aplica sua passiva diversas vezes, que quando combinada com as outras habilidades do campeão, fará com que sua passiva exploda por diversas e diversas vezes nas fights.

Com o auxílio de itens de dano periódico em habilidades como Liandry e Abraço Demoníaco, Brand consegue instaurar o terror nas teamfights com suas chamas extremamente poderosas, além de também possuir uma ferramenta de controle de grupo com seu Q.

  • Fiddlesticks, o Terror Ancestral

Sendo um caçador de desempenho extremamente positivo nas filas ranqueadas a vários patchs seguidos, Fiddle possui uma teamfight simplesmente inconfundível e totalmente capaz de definir um jogo sozinho.

Graças a sua habilidade ultimate, Tempestade de Corvos, o campeão é sempre uma grande ameaça para a equipe inimiga. Se aproximando da equipe adversária e lhes aplicando uma imensa condição de dano mágico periódico, Fiddlesticks consegue desestruturar qualquer equipe com suas ultimates, obrigando todos a se moverem para longe dele. Caso ele consiga ultar enquanto a equipe inimiga não possui visão dele ou caso ele esteja na forma de Efígie, a ultimate ainda causará aterrorizamento em todos os alvos atingidos pelo dano inicialmente. Quando somado ao seu W e ao seu E, que também são ferramentas de dano em área, e ao item Ampulheta de Zhonya, Fiddlesticks se torna um exímio iniciador e um campeão com uma teamfight totalmente arrasadora.

  • Malphite, o Fragmento do Monolito

Se consolidando como um dos melhores tanques da top lane a vários patchs, Malphite possui uma teamfight absolutamente agressiva e opressiva. No momento em que aprende seu ultimate, Força Incontrolável, o campeão se torna uma ameaça constante à equipe adversária.

Em situações de teamfight, Malphite pode acertar sua ultimate em vários alvos, e no geral, seu alvo são os campeões da backline adversária. Além de ser extremamente tanque, o campeão possui um altíssimo dano base, e caso o atirador adversário não receba a proteção devida, ele pode muitas vezes ser solado em pouquíssimo tempo.

O efeito de roubo de velocidade de movimento de seu Q e a redução de velocidade de ataque de seu E são outras formas que o campeão tem de ser ainda mais impactante nessas lutas, podendo perseguir alvos e prejudicar drasticamente suas capacidades de causar dano. Praticamente inigualável em termos de agressividade entre os tanques, Malphite é um dos iniciadores mais icônicos do jogo e é totalmente ameaçador em teamfights.

  • Gnar, o Yordle Pre-Histórico

Após ter passado um bom tempo no esquecimento, Gnar voltou com força total após os buffs que recebeu. Na rota do topo, o campeão vem apresentando um bom desempenho e uma popularidade incrivelmente alta.

Para lutar, o ideal é que o jogador esteja transformado em Mega Gnar, pois é de longe o momento em que ele consegue ser mais impactante. Engajando com seu pulo, o campeão possui 3 diferentes ferramentas de controle de grupo e dano: seu Q causa um bom efeito de lentidão, seu W atordoa, e sua ultimate é uma avassaladora combinação de empurrão juntamente com atordoamento, caso o alvo atinja uma parede.

Quando consegue encaixar uma Ultimate boa em vários jogadores, o campeão pode encaixar seu W logo em seguida, e intercalando esse combo com ataques básicos, a quantidade de dano que ele causa é geralmente o suficiente para abater alvos frágeis mesmo que estivessem com vida cheia. Dessa forma, Gnar entra para a lista dos campeões com entradas totalmente definitivas quando usadas no momento correto.

  • Rakan, o Charmoso

Finalizando a nossa lista, temos um suporte que apesar de não estar em uma de suas melhores fases, ainda consegue ser bem impactante nas composições corretas. Rakan possui um dos engages mais explosivos e definitivos entre os suportes, graças a suas habilidades W, E e R.

Seu E lhe fornece muita mobilidade para se deslocar durante as lutas, podendo se reposicionar para proteger seus aliados ou para defender a si mesmo. Já o seu W é sempre uma fortíssima ferramenta que levanta os adversários para o ar, que quando usada de forma oportuna nas teamfights, acaba fazendo toda a diferença.

O grande combo do campeão está no fato de que ele consegue utilizar o W enquanto o R está ligado. Ou seja: ele se colide contra seus adversários e os causa encantamento, fazendo com que a segunda instância de seu W, a de levantamento, conecte com 100% de certeza, a não ser que o alvo possua alguma ferramenta como a Bandana de Mercúrio ou outras coisas bem específicas.

Por isso, o forte e direto engage de Rakan acaba sendo perfeito para composições de teamfight.

  • FINALIZAÇÃO

Saber se comportar durante as teamfights é de suma importância para que você vença mais partidas. O ideal é entender como a sua composição funciona, e quais são suas condições de vitória durante as lutas: alguns jogam de forma explosiva com engages fortes, outros atuam de forma mais lenta e a distância. De uma maneira ou de outra, compreender as forças e fraquezas de seu campeão e de sua composição na hora das lutas é o primeiro e mais importante passo para que você possa triunfar nessas grandiosas batalhas.

A todos, gostaria de agradecer pela audiência de sempre. Não se esqueçam de se inscrever no canal da Playerlink e de deixar o like nesse vídeo para seguir apoiando nosso trabalho. Nos vemos em breve no próximo vídeo, e até lá, boas partidas a todos e até a próxima!

About Author

Compartilhe em suas redes socais!