fbpx

Escola dos Games

O maior portal de e-sports do Brasil

Dicionário do Free Fire

Muitas vezes ouvimos alguns termos no Free Fire, que não temos a mínima noção do significa e ficamos bastante frustrados com isso.

Seja porque é uma palavra nova, especifica do jogo, ou seja, porque é um termo em inglês que você não tem a mínima noção da tradução.

Tenho certeza de que todo jogador, independente da sua patente, já passou por isso antes

Por isso a Prota Games compilou os principais termos do jogo e explicou para você o significado, para não passar mais vergonha na frente da sua guilda ou amigos.

Airdrop: Contêiner preso a um paraquedas, largado por um avião com equipamento valioso e armas potentes. É relativamente fácil de detectar, pois emite um feixe de luz assim que aterrissa. Pode ser acionado pelo jogador, usando uma lanterna de Airdrop. Muitas vezes, é abreviado para “drop”.

Arma branca: São aquelas armas que, não são de fogo, como espadas, lanças e afins.

BOOYAH: É a expressão designada para uma vitória em um partida de Free Fire

Bot/Boot: Jogador controlado pelo próprio jogo, muito comum em partidas no modo casual entre as patentes mais básicas. Não é grande atirador e simplesmente avança sem cuidado até ser eliminado. Por vezes, por erro, pode ser referido como “boot” ou até “but”.

Bugado: Derivado de “Bug”. Erro no jogo que pode afetar gráficos e/ou gameplay

Call: É o ato de marcar um local no mapa, mas também designa comunicação por voz. Apesar de ser usado muito quando o time está pulando do avião, pode ser usado em qualquer altura da partida. “Confia na Call” é também uma expressão muito comum, sempre que um jogador escolhe um local que nem todo o time concorda. Basicamente, quer dizer comunicar.

Clipar/Clip/Clipe: Pequenos vídeos onde os jogadores mostram seus tiros ou jogadas mais legais. Vem do termo “clip” abreviatura de “videoclip”.

Casual: Modo clássico, sem ranqueado

Camper: Jogador que prefere ficar de tocaia, esperando pelos movimentos dos outros e deixando as partidas bem entediantes quando exagerado.

Doze: Uma maneira abreviada de chamar a escopeta SPAS12

Dima: Abreviatura para Diamante.

EP: Significa Energy Points ou Pontos de Energia. Enchendo a Barra de EP (amarela) com cogumelos (ou com eliminações com a habilidade do personagem Miguel) você pode curar a sua barra de HP (branca) um ponto por segundo até ficar completa ou a sua barra de EP ficar vazia.

Elo: O mesmo que patente. Existem vários elos no ranqueado de Free Fire: Bronze, Prata, Ouro, Platina, Diamante e Mestre. É a pergunta que qualquer jogador adora ficar colocando em todo o lado, ninguém sabe bem o porquê.

Flanquear/”Franquear”: Esse é um termo militar que significa ataque lateral. Imagine que um jogador inimigo está camperando em uma casa. Depois de um ataque frontal, você decide se mover pelos lados para não ser atingido.

Fogueira: Um item de sobrevivência que precisa ser equipado antes de cada partida permite ao jogador ou ao time regenerar sua energia. Pode ser colocada em qualquer lugar, mesmo no interior de uma casa. É de um uso apenas.

Guilda: Grupo de jogadores que jogam regularmente juntos com um objetivo comum. Assim, pegam mais pontos e sobem no ranqueado mais facilmente além de poderem entrar em competições só de Guildas, entre outros detalhes.

Gelo: Apelido dado à Granada de Gel, que forma uma barreira física no mapa para proteção.

Gemado/ Gemadão: Esse é um termo emprestado de outros games em que os jogadores gastam gemas para comprar novas skins ou equipamentos, normalmente, usando dinheiro real. Em Free Fire, é fácil detectar um gemado, pois ele gasta sempre muitos diamantes.

HD: Significa “high ground”, que inglês significa, a parte alta de um lugar, mapa ou espaço do confronto. Então quando alguém te der o sinal de que o adversário está no HD, é porque ele pode estar no topo de alguma superfície.

HS: Abreviatura de “Headshot” ou tiro na cabeça. É a maneira mais rápida de eliminar um jogador inimigo e que consegue mais pontuação. É também a que requer mais pontaria.

HP: A sua barra de vida. Se ficar vazia, você morre. Pode curar com algum EP, Fogueira ou com curativos.

Hack: Software que dá uma vantagem injusta ao jogador, normalmente resultando numa conta suspensa. Só jogadores muito ruins e desonestos usam esse tipo de ajudas. Sempre que ler ou ouvir alguém dizendo “Rack” esse é um erro. O termo é Hack.

Healar: É uma versão brasileira do termo inglês “heal”, cuja tradução é curar.

Kill: Eliminação de um jogador inimigo. Quanto mais kills conseguir, melhor a sua pontuação.

Killfeed: É uma sucessão de eliminações rápida. No entanto, esse é um termo emprestado de outros games, pois Free Fire, por enquanto, não diferencia suas eliminações durante a partida.

Lança: Abreviatura do Lança Granadas M79, a arma mais amada e odiada de Free Fire.

Line: É outra maneira de designar “Squad” ou um time de quatro.

Loot: Equipamento e armamento espalhado pelo mapa, em pontos de reabastecimento, Token ou Airdrop. Pode ser desde mochilas, armas, extras, coletes, capacetes e até itens especiais. Ter um um bom loot é a melhor maneira de conseguir vencer a partida.

Lança: Abreviatura para o Lança Granadas M79, a arma mais adorada e odiada de Free Fire. Aparece muito na frase clássica “Tira o Lança”.

Miado: Quando um oponente está sem colete,capacete e pouca vida

Noob: Jogador iniciante, mas também é usado como insulto. Chamar outro jogador de Noob é acusá-lo de ter pouca habilidade e experiência.

Passe de Elite: O Passe de Fogo pode ser gratuito ou de Elite. O Passe de Elite recompensa o jogador com diferentes prêmios, roupas e ouro, mas precisa ser comprado com dinheiro real. Também tem missões diárias para o Passe de Elite que não podem ser acessadas pelo passe gratuito.

Pet: São os companheiros de batalha como Gatinho e Cachorro mecânico.

Ponto de Reabastecimento: Também chamado Mapa de Tesouro, é simplesmente um item de Sobrevivência que pode ganhar ou comprar. Precisa ser ativado ainda no avião. Depois de ativado basta simplesmente ir ao local marcado no mapa e coletar os equipamentos e suprimentos, normalmente de nível 3, que estejam lá. Cuidado para não ser emboscado.

PVE: Essa sigla significa Player Versus Environment que significa Jogador versus ambiente. Simplesmente, o jogador enfrenta oponentes ou outros perigos controlados pela inteligência artificial do próprio jogo. Em Free Fire, o único modo PVE disponível atualmente é o modo Revolta Mortal.

Quitador: Do termo inglês “quit” que significa desistir. Um quitador abandona a partida de Squad ou duo depois de ser eliminado, fazendo o seu time perder muitos pontos. Por vezes, alguns jogadores usam o termo “Kitador”. É o mesmo significado.

Rank ou Ranqueado: Modo competitivo de Free Fire. Nesse modo, o jogador ganha mais moedas e mais EXP. As partidas são mais difíceis.

Rushar: Atacar rapidamente um inimigo ou objetivo, à máxima velocidade e com a maior agressividade possível

Safe: É a área de segurança que surge no mapa. Esse círculo começa grande e vai diminuindo, definindo as estratégias em uma partida. Quando alguém “garante safe” é porque conseguiu entrar no círculo a tempo.

Shotgun: Termo inglês para escopeta.

Telador: Um telador é um trapaceiro que fica entrando no live de outro jogador para descobrir onde ele está. É obviamente uma trapaça. Também é conhecido como “Stream Sniper”.

X1: Confronto direto entre jogadores no um contra um ou simplesmente modo solo.

Zé Carrinho: Jogador que exagera nas mortes por atropelamento e nunca larga o seu carro. Não é o mais bem visto pelos outros jogadores mas não é ilegal.

Zé Casinha: Jogador que teima em se manter escondido, movendo-se apenas no último segundo Zé Lootinho: Jogador que mesmo com a mochila completa teima em pegar todo o loot.

Compartilhe em suas redes socais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social menu is not set. You need to create menu and assign it to Social Menu on Menu Settings.

shares